Sistematização dos Conhecimentos Sobre o Comportamento Humano na Organização Social / Alde Sampaio

Apresentação de Gilberto Freyre. Prefácio de Lourival Vilanova.

8.00 

1 em stock

Descrição

Neste livro o Professor Alde Sampaio faz um estudo da sociedade, indicando os princípios primordiais da natureza humana em que se baseia a organização social e por eles deduz os vícios e as falhas que provêm da desobediência a esses princípios, no modo pelo qual se for for- mando a associação humana.
Para esse fim, caracteriza o homem, na qualidade de ente social, pelos atributos que traz do berço e pelas transformações que sofre em adaptação às contingências da vida: “o homem é moldado pelos seus caracteres herdados e pelo meio em que vive”. Nesse propósito, identifica os caracteres pelos sentimentos instintivos que se conservam indefinidamente; e o meio por uma série de leis naturais a que se submete irresistivelmente o comportamento humano.
Pode-se dizer que o Prof Alde Sampaio faz uma apresentação em moldes próprios sobre a vida do homem na sociedade, pois não se limitou às intransigências de biólogos que querem a biologia como base única de análise dos fatos humanos na organização social e não chegou. ao extremo .do marxismo tal como se aplica na Rússia, que para justificar as suas imposições de adaptação, nega a permanência dos caracteres naturais do homem. Da mesma forma, admite e cita Freud quando prescreve a “irredutilidade do instinto” que permanece adormecido ou recalcado, nunca, porem, eliminado; mas não o acompanha quando quer explicar toda a evolução da sociedade como, um faro vinis do por ação mental do homem.
Identificado o indivíduo como elemento integrante da sociedade, passa o Autor a avalizar a sociedade em seu conjunto, partindo da vida selvagem primitiva, tal como ainda hoje se conserva entre os indígenas do Brasil, passa à sociedade civilizada, que considera como instituída pela inteligência humana e chega, por último, à sociedade complexa atual, resultante do progresso científico-econômico a que atingiu a humanidade.
O livro se constitui essencialmente como uma crítica científica à sociedade atual, critica conduzida por meio de critérios prefixados que abrangem os sentimentos humanos primitivos e se estendem a conceitos de natureza econômica, moral, política e sociológica, tendo em vista o homem nas aspirações de sua vida e como componentes da sociedade em que vive, sujeito à convivência dos seus semelhantes e às imposições vindas da organização social.
A situação atual do Mundo está a exigir o aprofundamento das investigações sobre a realidade social, para que se possa determinar rumo conveniente à condução política, da sociedade e é este aprofundamento que faz no seu livro o Professor Alde Sampaio, partindo do elemento fundamental que é o homem com os seus sentimentos naturais imutáveis e chegando aos interesses próprios à coletividade como um todo.