Raul de Carvalho : Entre o Silêncio e a Solidão / Serafim Ferreira

6.00 

1 em stock

Descrição

Toda a poesia de RAUL DE CARVALHO (1920-1984) se determina em vertentes bem definidas: vozes da infância, sombras da paisagem alentejana, um duplo olhar que a vida de
tantos anos em Lisboa lhe fez conhecer “sempre com medo da morte”, a realidade branca da vida e da morte, a serenidade e a solidão no seu canto, no espaço consentido e ocupado, no abandono que marcou de raiva e de esperança uma “poética” que está ainda por estudar no seu mais rigoroso sentido.

Não se forja de muito mais esse “corpus” inalterável, na implícita redundância e insistência de tantos poemas iguais ou inactuais, de que tinha clara consciência, mas a sua arte poética consolida-se nos próprios valores humanos e literários como soube dar sentido à vida.

 

Detalhes:

Idioma: Português

Editora: Campo das Letras

Ano: 1995

Nº Edição:

Descrição Física: 117 p. ; 21 cm