Memórias e Autobiografia / Theodorico César de Sande Pacheco de Sacadura Botte

24 anos em Portugal e 60 em África.

65.00 

1 em stock

Descrição

Ilustrados em extra-texto com a reprodução 3 mapas e 474 fotografias e gravuras. Brochados. Obra autobiográfica de um português que foi administrador colonial, empresário e administrador de empresas em Moçambique. Fonte muito importante para o estudo do período final da colonização portuguesa em Moçambique, apresentando grande quantidade de informações sobre caça, equitação, política, etnografia e economia, bem como biografias de diversas personagens de importância da época.

Theodorico César de Sande Pacheco de Sacadura Botte (Quinta da Bica, Seia 1902 – Maputo 1987) partiu para África em 1926, exercendo diversas funções em empresas privadas como a Sociedade Colonial de Tabacos. Foi administrador do distrito de Magude, chefe de gabinete do governador de Moçambique, José Nicolau Nunes de Oliveira, e administrador da Breyner & Wirth, que depois da independência deu origem à empresa estatal Equitec.