Estruturalismo e Marxismo

Ensaios de Vincent Labeyrie, Jean Deschamps, Serge Perottino, René Ballet, Henri Weber, Daniel Charles, etc.

8.00 

1 em stock

Descrição

Qual pode ser a contribuição do método estrutural para o desenvolvimento das pesquisas marxistas? Que problemas o conceito de estrutura coloca ao marxismo?
Os ensaios aqui reunidos – todos de escritores marxistas – mostram que o marxismo e o estruturalismo têm um método em comum, pelo menos nos seus grandes traços, e visam decididamente a investir contra os dogmatismos teóricos que recusam ao marxismo sua capacidade de se enriquecer e mesmo de reelaborar o sistema operatório de conceitos de que vive, como toda ciência. A verdade que este põe em evidência é que o marxismo, longe de ser uma ciência acabada e definitiva, está essencialmente filiado às investigações em profundidade das questões epistemológicas próprias às ciências do homem, isto é, o marxismo não se fecha em nenhum dos seus níveis à continuidade dos trabalhos da ciência; pelo contrário, ele situa e impulsiona esses trabalhos.
Integração do que há de válido no método estrutural, crítica construtiva de suas insuficiências e de seus limites, reflexões novas sobre o conceito de estrutura, eis algumas das questões abordadas pelos autores destes estudos, suscitados por iniciativa do Centre d’Estudes et Recherches Marxistcs e da revista La Pensée, de Paris.