Alves & Cª / Eça de Queiroz

Primeira edição.

20.00 

Esgotado

Descrição

É um pequeno romance que graceja sobre a velha máxima do País que se diz “de brandos costumes”, demonstrando que por vezes o ridículo a curto prazo pode ser vantajoso a longo prazo. Eça de Queirós transforma uma situação intolerável (o adultério) numa questão passageira e oportuna. Este conto é uma terrível sátira à passividade, como também o é, à impulsividade, envolvido numa mescla de contradições como só Eça de Queirós poderia imaginar. Nada é certo ou errado, apenas nós poderemos escolher o caminho que a nossa existência terá, rejeitando qualificações (i)morais impostas pela sociedade.

Detalhes:

Idioma: Português

Ano: 1925

Nº Edição:

Descrição Física: Com 215 págs. 18 cm. E.

Condição: Bem conservado