A Gota de Ouro / Michel Tournier

Categorias: ,

6.00 

1 em stock

Descrição

Havia uma lenda sobre os ventos dos confins desérticos que se referia ao modo como eles arrastavam consigo as crianças imprudentes e desobedientes, decerto em memória da época em que os nómadas costumavam atacar as populações camponesas dos oásis. Idriss recordava-se dessa lenda, que a avó
lhe havia contado quando era ainda menino…
E aconteceu que um dia também ele se deixou perder, seduzido e enfeitiçado por uma presença igualmente provinda do Sul como os ventos da antiga lenda. Foi em Tabelbala, um pequeno oásis isolado a noroeste do Sara. Idriss levara a pastar o seu rebanho de cabras e carneiros quando, de um Land Rover que demandava a estrada de Orão e onde viajava um casal de europeus, surgiu uma mulher muito loura, de pernas quase nuas, que o fotografou, prometendo mandar-lhe uma cópia depois de regressar a Paris.
A cópia, bem-entendido, nunca mais chegou. E quando, dois anos mais tarde, Idriss partiu para França como muitos outros rapazes do Magreb fê-lo sem dúvida para procurar trabalho, mas também para encontrar a mulher que naquele dia memorável o fotografara no deserto. Como se de uma maldição se tratasse, como se de facto os ventos o houvessem arrastado para uma viagem aos confins do Inferno, Idriss nunca mais deixou de encontrar essa mulher e essa fotografia ao longo das diversas etapas do seu caminho. E, de cada vez que as encontrou, recebeu uma ferida e desceu mais um degrau no ridículo e na abjecção. Até ao dia em que conheceu o mestre calígrafo Abd AI Ghafari e este lhe contou A Lenda da Rainha Loira, que encerrava o significado último do seu ensino e a verdadeira essência da arte da caligrafia.

Detalhes:

Idioma: Português

Tradução: Ricardo Alberty

Editora: Dom Quixote

Ano: 1987

Nº Edição:

Descrição Física: 200 páginas ; 23 cm

Colecção: Ficção universal